Conciliar maternidade e carreira profissional: é possível?

A maioria das mulheres passa por esse momento desafiador em suas vidas: lidar com a dificuldade de retornar ao trabalho e deixar seu bebê em casa com babá ou em creche. Algumas enfrentam até mesmo crises de identidade e depressão pós-parto.

Muitas mães lidam com o ápice do estresse ao ter que lidar com a dupla jornada, e ter decisões difíceis para tomar tanto em casa quanto no trabalho. É a contínua preocupação em ser uma boa mãe e, ao mesmo tempo, ser bem-sucedida profissionalmente.

Sensação de vínculo imediato, hormônios em transmutação no corpo, saudade do filho. E para as mães de primeira viagem há o medo do desconhecido. Mesmo sendo um período de profundas mudanças é o mais importante na vida de uma mulher. Foi-se o tempo em que ser mãe era motivo para desistir de uma carreira bem-sucedida. Hoje as profissionais sabem que a maternidade potencializa as competências e ajuda na gestão de carreira e negócios.

O mais importante é não sentir culpa por deixar o filho aos cuidados de outra pessoa, culpa por ficar longe durante o dia, culpa até por querer continuar a profissão. O desafio agora é reconhecer que abrir mão do trabalho pode significar insatisfação profissional futuramente. O essencial é a qualidade do tempo que a mãe terá com sua criança – e não a quantidade. Assim como a maternidade, a carreira também faz parte dos seus sonhos. É possível ser incrível nos dois!

Lembre-se que você não é a primeira mãe a passar por isso nem será a última. Converse com outras mulheres que também tenham dupla jornada. Se for possível, busque acompanhamento psicológico. Não é vergonha não se adaptar no retorno ao trabalho: respeite seu próprio processo.

Esse é só o começo, as fases mudam e as dificuldades também. Mas a saudade sempre permanece.


Publicado por
Em 17 de maio de 2019

Escrever um comentário

Restrições alimentares: oportunidade de negócio?

Cada vez mais as pessoas buscam por alimentos alternativos e saudáveis especialmente devido ao aumento de restrições alimentares como intolerância a glúten e lactose. Pensando nisso, novos nichos e oportunidades de mercado surgem, especialmente na páscoa em que podem ser feitos muitos chocolates e salgados para esse público. Que tal investir na produção desse tipo de alimentos em seu negócio?

Alimentos sem glúten

Segundo o Conselho Nacional de Saúde (CNS), cerca de 2 milhões de pessoas no Brasil são intolerantes ao glúten, proteína encontrada no trigo, no centeio, na aveia, na cevada e no malte. O glúten contribui na consistência da massa de pães, bolos e biscoitos. Atualmente, é possível fazer receitas de chocolate, bolos, e ovos da Páscoa sem glúten, atendendo e saciando esse público.  

Alimentos sem lactose

A lactose, por sua vez, é o principal açúcar presente no leite. Muitas pessoas apresentam dificuldades para ingeri-la, o que levam a procurar produtos que apresentam uma enzima chamada lactase, capaz de quebrar a lactose e facilitar na digestão. Você pode pensar ainda em fazer chocolates e ovos de chocolate a base de leites vegetais, feitos com ingredientes como coco, soja, arroz, quinoa, amendoim, amêndoas ou castanha de caju.  

Alimentos diet e light

De forma geral, os alimentos diet apresentam quantidades reduzidas de açucares, geralmente sendo alimentos indicados para diabéticos. 

Já os alimentos light são reduzidos em até 25% do valor calórico quando comparado a versão tradicional, apresentando menos açúcar e gordura. Por isso, são indicados para quem quer emagrecer.

Então vale a pena pensar em ovos da Páscoa entre outros doces diets e lights para fabricar e vender.                                                                                                                                         

Alimentos integrais

Os alimentos integrais são aqueles que mantiveram sua estrutura no processo de industrialização, por isso não perderam vitaminas, minerais e fibras. Esse tipo de alimento é importante para quem procura emagrecer, pois o organismo demora mais para ingerir as fibras, dando a sensação de saciedade por mais tempo. Além disso, o açúcar desses alimentos é liberado aos poucos, sendo muito importante para pessoas com Diabetes ou até em sua prevenção.

Inove no seu negócio:

Você pode criar estabelecimentos focados nesses alimentos especiais, ou simplesmente oferecer opções de produtos para essa público, como pães, salgados, sopas, sorbets, bolos, brownies, brigadeiros, tortas, cookies, além de bebidas quentes e frias, tão saborosas quanto às tradicionais.

Além de contribuir para as pessoas que possuyem essas restrições alimentares, é uma ótima forma de se destacar frente a concorrência e divulgar seu trabalho por si só.

Vale ressaltar a importância de consultar uma nutricionista para acompanhamento e orientação da produção ou ainda, da própria definição da dieta alimentar.


Publicado por
Em 27 de fevereiro de 2019

Escrever um comentário

Como fazer trocas práticas e mais saudáveis na alimentação

Depois de tanta festa e férias, para muitos uma das metas é perder os quilinhos que eventualmente pode ter ganhado. Para te ajudar nessa missão, você pode realizar algumas trocas na sua alimentação, sempre com o objetivo de procurar ser mais saudável. Perder quilos que possam estar em excesso acabará sendo uma consequência.

Abra-se para mudanças

Uma das trocas é a farinha branca pela farinha integral, rica em fibras. Vale para pães, bolos, tortas, massas e etc. Opte também pelo arroz integral que é mais saudável que o tradicional arroz branco.

No café da manhã, uma troca que também é importante: os cereais muitas vezes apresentam açúcar, que tal trocar por aveia com frutas?

Hora de assistir filme em casa, prefira a pipoca caseira, em vez da industrializada. Ela pode ser preparada no micro-ondas com com água, milho e sal, e irá preservar os antioxidantes encontrados no milho.

O Molho de tomate caseiro e os temperos naturais também entram na roda e podem se tornar sua primeira opção, já que não possuem conservantes, como os molhos e temperos industrializados.

Resista às deliciosas frituras ricas em óleo e calorias. Você pode grelhar ou assar o mesmo alimento, e ainda conseguirá preservar mais nutrientes.

E na hora daquele delicioso chocolate, escolha os mais amargos, com maior porcentagem de cacau, substância natural e também antioxidante.

Qual outra troca de alimentos você indicaria?


Publicado por
Em 9 de janeiro de 2019

Escrever um comentário

Como fazer uma ceia mais saudável?

O Natal e o fim de ano chegaram! Mas o que isso significa? Se você pensou em muita comida e bebida, realmente, temos uma grande preocupação, principalmente quem não quer perder todo o trabalho que teve para emagrecer durante o ano.

Separamos um menu para você preparar e não sentir o peso, literalmente, na consciência e no seu corpo, dos exageros das festas.

Entrada – Salpicão light

Para entrada, além de explorar folhas verdes, você pode preparar um salpicão light, com frutas frescas, legumes ralados ou picados. O pulo do gato é trocar a maionese por um iogurte natural.

Ingredientes:

  • 1 peito de frango cozido e desfiado; 1 cenoura ralada no ralo fino;
  • 1 maçã verde fatiada em rodelas finas;
  • 3 colheres de sopa de salsinha picada;
  • 1 xícara de chá de salsão cortado em fatias finas ou em pedacinhos;
  • 1/2 de xícara de nozes picadas;
  • Suco de 1 limão;
  • 1 pote de iogurte natural desnatado (cerca de 160 ml);
  • 1 dente de alho;
  • 2 colheres de sopa de azeite;
  • 2 colheres de sopa de uvas passas (opcional);
  • Sal e pimenta a gosto.

Preparo:

Bata o suco de limão, iogurte, sal, pimenta, alho e azeite em um mixer ou liquidificador. Depois, junte tudo em um pote com o peito de frango desfiado, nozes, uvas passas, maçã, e claro, o salsão. Com todos os ingredientes bem misturados, você já pode deixá-los na geladeira até o momento da festa.

Risoto de abobora Cabotiá e palmito

Um prato mais elaborado, mas muito saudável, o Risoto de abóbora cabotiá com palmito pode encantar seus convidados.

Ingredientes:

  • 300 g de arroz arbóreo ou carnaroli
  • 1 cebola média, picada em cubinhos
  • 2 dentes de alho
  • 3 palmitos grandes
  • 1 abóbora cabotiá média picada em cubos grandes e pequenos
  • 2 caldos de carne ou de legumes
  • 1 litro de água quente
  • Salsinha a gosto
  • Sal a gosto

Preparo:

Frite o alho e a cebola até dourar, em seguida, acrescente a cabotiá picada. Acrescente água e refogue por cerca de 10 minutos. Quando os pedaços menores estiverem desmanchando, você pode colocar o arroz.Coloque os palmitos picados em rodelas. Separadamente, coloque os caldos de carne em água quente, e acrescentando aos poucos no arroz, vá misturando com uma colher de pau. Acerte o sal e salsinha.

Sobremesa: Pudim de pão integral

Como sobremesa, você pode fazer um delicioso pudim e inovar usando pão integral.

Ingredientes:

  • 8 fatias de pão integral
  • 1 xícara de uva passa
  • 4 copos de leite
  • 1 copo de mel ou açúcar mascavo
  • 1 xícara de frutas cristalizadas (opcional)
  • 2 ovos inteiros
  • 1 xícara de creme de leite

Preparo:

Deixe o pão no leite por 2 horas. Esfarele o pão e misture com os demais ingredientes. Em uma forma untada, leve-o para assar. Quando ele estiver dourado, você pode retirar do forno.

Bônus: para uma ceia saudável mesmo, modere nas bebias alcoólicas. Prefira sucos e beba muita água. Por fim, tire o pensamento da comida e foque em estar com os amigos e família.


Publicado por
Em 29 de novembro de 2018

Escrever um comentário

O poder que vem da terra

Descubra os benefícios dos grãos na alimentação

Incluir grãos na alimentação é uma excelente opção para quem deseja levar uma vida mais leve e equilibrada. Além de auxiliar na diminuição de peso, os nutrientes presentes nos grãos também contribuem para o bom funcionamento do intestino. Conheça alguns deles e saiba como incluí-los na sua dieta.

Semente de Linhaça

Rica em Ômega 3, a semente de linhaça é uma forte aliada do nosso coração e do sistema nervoso, gerando uma sensação de saciedade e fazendo com que nosso organismo entenda que já está satisfeito. Uma forma de consumir a linhaça é salpicar em frutas ou nas refeições.

Semente de Chia

Também rica em Ômega 3, a semente de chia é fonte de ferro, cálcio e potássio, sendo excelente para o fortalecimento dos ossos e bom funcionamento do intestino. Você pode optar por comer uma colher de sopa antes do almoço e jantar ou adicionar ao suco de frutas.

Aveia

Excelente para o funcionamento intestinal, a aveia também auxilia as pessoas com colesterol alto e diabéticos, prevenindo doenças como hipertensão. Você pode incluir a aveia no iogurte, em frutas ou bater com vitaminas.

Agora que você já conhece alguns grãos poderosos, pode incluí-los no seu dia a dia ou no cardápio do seu estabelecimento. Saúde!


Publicado por
Em 30 de outubro de 2018

Escrever um comentário

Mais que uma fonte de renda, um estilo de vida

Alimentação saudável vem ganhando espaço e conquistando cada vez mais o público.

Sabia que as comidas saudáveis vêm ganhando força? Veganismo e vegetarianismo, por exemplo, já são estilos de vida bem populares. Além de fazerem bem, esse tipo de alimentação é visualmente forte nas redes sociais. A procura por alimentos sem glúten, lactose e outros alergênicos também está crescendo. Mesmo sendo direcionados para consumidores específicos, esses produtos acabam ganhando os consumidores comuns que querem se alimentar de forma saudável.

Esse tipo de refeição está entre as 10 que são destaques no ano de 2018, então se você procura algo novo para seu negócio, esse pode ser o investimento de sucesso. Junto com alimentação saudável vem a praticidade. Esse pode ser o combo perfeito. Dê uma atenção também para a embalagem do seu produto. A salada de frutas que vem no potinho, pronta para consumir, é um excelente exemplo. Além de estarem visíveis, as frutas já estão prontinhas para o consumo.

Dentre as tendências de alimentação saudável para 2018, podemos citar flores (isso mesmo, flores), pois os sabores florais adicionam um frescor a sua refeição, além de tornar seu prato mais bonito. Você pode apostar em flores de hibisco, sabugueiro e lavanda. Quem resiste a um snack, não é? Até porque são ótimas opções para petiscar, e o melhor, podem ser feitas de ervilha e grão-de-bico. Vai um snack aí?

Se você tem um negócio específico de alimentação saudável, com certeza essas dicas vão te ajudar. Agora se você já tem um segmento e pensa em atingir um tipo diferente de público, esse é o teste que pode dar certo. Pesquise e invista nesse segmento que só tende a crescer. Que tal ganhar dinheiro e ser saudável?


Publicado por
Em 5 de outubro de 2018

Escrever um comentário